sábado, 1 de dezembro de 2007

Seia, era assim em 1996


Fotografia enviada por MEC (Maria Eduarda Colares), onde se aponta o caminho para o CineEco'96 - Seia. Na imagem vê-se Camacho Costa, Lauro António e Frederico Corado.
Infelizmente Camacho Costa já desapareceu do reino dos vivos, mas Seia perpétua o seu nome, com a existência do "Prémio Camacho Costa", no Festival de Cinema.
Lauro António e seu filho, Frederico, são cada vez mais "filhos" desta terra, com a sua ligação, ano após ano, através do Cine'Eco, a esta comunidade.
Incontornavelmente, fazem já parte da "paisagem humana" de Seia!

1 comentário:

fc disse...

Infelizmente o Camacho já não está entre nós, mas está no meu coração. Seia e as suas gentes também fazem parte dessa caixinha de memórias que guardo dentro de mim. Um abraço a todos