segunda-feira, 10 de Novembro de 2008

Sandomil - Tarde de Domingo de Outono

Este Domingo à tarde, quase sem dar por isso, fomos até Sandomil, aqui a dois passos de Seia. Ao longo das margens do Alva deu bem para descansar e desfrutar a paisagem magnífica de Outono, a reflectir no espelho de água ao largo do casario.

Terra bonita de visitar, com mil encantos da natureza, outrora muito “cultivadia”.




A Ponte Romana,...


Nas deambulações pelas margens do rio, acabámos por ser convidados pelo senhor Rui Mendes para visitar o “seu museu agrícola”. Dois grandes complexos cheiísimos de peças representativas das fainas agrícolas e não só, a merecerem atenção, sobretudo quando se impõe uma catalogação devida, para salvaguarda deste vasto e rico espólio etnográfico.

5 comentários:

Anónimo disse...

Conheço essa terra ( Sandomil), muito bonita ! conheço também esse museu, que aconselho qualquer pessoa a visitar. peçam para falar com o Carlitos ( filho do proprietário Sr . Mendes)

Augusto disse...

Sou o primo brasileiro do dono desse museu. Parabens primo, pelo seu acervo. Fico muito feliz em tecer esse comentario. Augusto Mello.

Anónimo disse...

Estive em Sandomil, terra bonita. Minha mãe é de sazes da beira.
Márcio José Matos Rodrigues-Belém-Pará.

Anónimo disse...

Minha avó nasceu em Sandomil e meu avô em Sazes da Beira. Tenho muita vontade de saber se ainda tenho parentes nessas regiões. O que devo fazer para encontralos? Já há muito tempo que não temos notícias deles.
Antonio Luiz Mendes-Belém-Pará-Brasil

António Alves disse...

Conheço muito bem Sandomil afinal, nasci aí. Também conheço o sr Rui Mendes. Sem duvida, Sandomil é a terra mais linda da serra da estrela.
António
Minas Gerais - Brasil